O Seminário da Cultura do maracujá promovido pela Prefeitura em parceria com a Câmara de Vereadores de Bonito-BA reuniu muitos agricultores da cidade e região na manhã de quinta feira (4). O objetivo era ensinar as práticas de como manejar o plantio para uma colheita de qualidade do maracujá e mostrar que apesar das dificuldades, esse fruto é investimento viável.

                                    Público-presente-ao-seminário-Cultura-do-Maracujá

O seminário contou com as presenças de vários produtores rurais e autoridades da cidade e região: O Prefeito Reinan Cedro de Oliveira (PSD/BA) Vice Prefeito Cássio Henrique (PSD/BA), o Diretor de Meio Ambiente Egídio Cruz, o Vereador e Presidente do legislativo local Alek Sandro Santana Beu (PDT/BA) os demais vereadores da casa, Paulo Henrique – Vereador de Iraquara, Paulo Sérgio Gunes Vieiraex-vereador de Iraquara, como também o Palestrante técnico e pesquisador da Empresa Brasileira de Pesquisas Agropecuária – (EMBRAPA), Dr. João Roberto Pereira de Oliveira.

Da-esquerda-para-direita-Cássio-Vice-Reinan-Prefeito-Dr.-João-Roberto-Embrapa-Luiz-Mestre-Cerimonia

João Roberto trouxe para os seminaristas sua experiência em pesquisas focadas na produção do maracujá. Ele também ensinou as técnicas para obter um produto com qualidade, abordando desde a preparação do solo até a colheita do fruto; as pragas e doenças (micros e macros organismos) que afetam o plantio, e como evitá-los. Também  alertou sobre pragas como cupins, abelhas, cigarrinha verde, besouro das flores, lagartas dentre outros insetos que prejudicam o maracujazeiro.

                                          Dr.-João-Roberto-Pesquisador-EMBRAPA

Os agricultores que fizeram parte da palestra, além de ouvir, compartilharam suas experiências e trouxeram algumas soluções que deixaram o evento mais dinâmico. Um agricultor informou que deixa o mato se desenvolver ao redor da plantação para atrair as pragas e doenças e assim diminuir a infestação no seu plantio. “Plantador de maracujá que deixa o solo no entorno da planta limpo, não entende dessa cultura”, declarou o pesquisador Dr. João Roberto concordando com o experiente produtor.

Pela tarde o pesquisador saiu em visita por algumas fazendas da região com os agricultores para mostrar como deve ser feito na prática.

O Prefeito Reinan de Oliveira ( Reinan de Lourinho), informou para nossa equipe de reportagem que o início de sua gestão foi com dificuldade financeira, mas  o carro chefe do seu projeto de trabalho é a agricultura, pois  o café, produto chave dos agricultores de Bonito e região, não teve um rendimento satisfatório em 2016 por conta da seca prolongada. “Então queremos trabalhar a diversificação da cultura, e uma das realidades do nosso município é justamente o maracujá como cultura auto-sustentável (agricultura familiar e já incentivando o agronegócio”, informou Reinan. O Prefeito também declarou que assumiu a responsabilidade de, juntamente com a secretaria de agricultura incentivar o pequeno, médio e grande produtor rural, garantindo que essa secretaria vai está mais próxima através de núcleos em cada localidade para fazer um acompanhamento de todos os passos possibilitando uma lavoura de qualidade com uma rentabilidade a ser alcançada em médio prazo melhorando consideravelmente a economia dessa Cidade. Hoje em Bonito é produzido 8 toneladas do fruto  podendo chegar de 20 á 30 toneladas por ano futuramente.

                                 Reinan de Lourinho – Prefeito de Bonito – Bahia..

O VICE-PREFEITO DE BONITO TRABALHA. UM EXEMPLO A SER SEGUIDO POR OUTROS MUNICÍPIOS

O Vice Prefeito de Bonito Cássio Henrique Gunes Vieira nos informou que para ficar mais próximo do produtor rural, foi criado o NÚCLEO AGRO SOCIAL, um conjunto de núcleos para resolver as demandas de cada localidade da Cidade. Esses núcleos são: Núcleo de Bota-Fogo, Núcleo de Catuaba, Núcleo de Cabeceira do Brejo e Núcleo da Sede, que é voltado para o centro da Cidade. Em relação ao Maracujá, segundo Cássio, é uma realidade do município que já vem sendo cultivado há três anos. “Como cresceu muito a produção do maracujá, a gente trouxe hoje o Dr. João que é um conhecedor profundo da Embrapa, para compartilhar seu vasto conhecimento com nossos produtores“, declarou ele.

                                            Cássio-Henrique-Vice-Prefeito-Bonito

PRESIDENTE DA CÂMARA DE VEREADORES DE BONITO FICOU MARAVILHADO COM O EVENTO

Alek Sandro Santana Beu – Vereador e Presidente da Câmara, falou que era um sonho trabalhar com a diversificação da agricultura, por isso o seminário serviu para norteá-los na cultura do maracujá que já está dando certo em Bonito; porém não tinha o apoio do poder público municipal. A partir de agora mais empregos irão ser gerados por conta do manejo e do acompanhamento técnico do maracujazeiro.

                                            Alek-Sandro-Presidente-da-Câmara-de-Bonito

JOVEM VEREADOR DE IRAQUARA PARTICIPA DO EVENTO E PROMETE LEVAR EXPERIÊNCIA PARA SUA CIDADE

Paulo Henrique Gunes Vieira (Paulinho) PMDB/BA falou a nossa reportagem que Iraquara nos seus 54 anos de emancipação política só nos últimos quatro anos teve uma secretaria de agricultura e recursos hídricos numa prova inequívoca que é um setor abandonado a sua própria sorte. “Na gestão atual, se quer tem verba disponível para um investimento mínimo necessário, por isso pretendo apresentar aos colegas daquela casa legislativa que é a caixa de ressonância do povo e aos agricultores familiares a cultura do maracujazeiro, e, talvez realizar um seminário deste na minha terra para posteriormente iniciar-se o plantio do maracujá fomentando o setor da agricultura de auto-sustentabilidade no município”, declarou o Vereador Paulinho.

                Da esquerda para direita Jaburu, João Roberto e Vereador Paulinho de Iraquara

O evento que começou pela manhã e durou grande parte do dia, teve um  feedback positivo pelos agricultores e organizadores que elogiaram a iniciativa do Vice Prefeito Cássio Henrique que está secretário de agricultura e do Gestor Público do município Renan Oliveira.

Deixe seus comentários, o que você achou dessas informações dê sua opinião será muito importante para o guia.

comentários